Sete Cidades vista aérea
Como chegar
O primeiro passo é chegar até Teresina, capital do Piauí, e de lá, percorrer 180 km até o município de Piracuruca, onde fica localizado o Parque Nacional de Sete Cidades.
Há linhas diárias de ônibus, nos mais diferentes horários, saindo de Teresina em direção a Piracuruca.
A viagem dura cerca de 2:30 h. Assim, são apenas 2 etapas até Sete Cidades:
- Passagem aérea ida-e-volta para Teresina
- Ônibus ou aluguel de carro de Teresina a Piracuruca

Se você mora em Fortaleza, pode ir de carro ou ônibus pela BR 135.
O trajeto de ônibus dura cerca de 7 horas.
De automóvel, mais ou menos 6 horas.

Muitos mistérios rondam Sete Cidades, a enigmática cidade de pedra erguida na caatinga, no norte do estado do Piauí. Teria sido fundada pelos fenícios que, em busca de novas rotas, navegaram até o norte do Brasil há 3 mil anos? Seria ela a lendária Ilha dos Sete Povos, um paraíso terrestre cheio de riquezas naturais cobiçado pelo Império Romano em seu apogeu? Seriam os índios Tupis e Tabajaras, a quem as inscrições rupestres são atribuídas, remanescentes da civilização perdida de Atlântida? Teria sido visitada por ETs? Como em todo bom mistério, há mais perguntas que respostas. O fato é que visitar Sete Cidades é uma ótima oportunidade para não só conhecer um dos mais importantes monumentos geológicos do planeta, mas também apreciar a riqueza única da flora e da fauna do local, cortado pelo rio Parnaíba, o que favoreceu um encontro da caatinga com o cerrado. Com fins de preservação, em 1961, um decreto federal fez da área reserva ecológica, criando o Parque Nacional de Sete Cidades que, desde então, é aberto à visitação pública sob a supervisão do Ibama.

O que ver
O nome Sete Cidades se deve ao fato de suas formações rochosas encontrarem-se divididas em sete diferentes áreas. Em seus cerca de 20 km quadrados, o parque apresenta 2 mil inscrições e pinturas rupestres gravadas em muralhas, monumentos, estátuas com formas de bichos e pessoas, e castelos de pedra, esculpidos, segundo a versão oficial, pela erosão de milhares de anos.
Para aumentar o mistério, as figuras representam basicamente manifestações celestes: o sol, estrelas, círculos dentro de círculos e sêres alados.
Há também cruzes de diversos tamanhos que, para espanto dos estudiosos, se assemelham às das pinturas paleolíticas de um reduto arqueológico, na Extremadura, Espanha.
Nem toda área é aberta a visitação. Para ir à chamada Sétima Cidade, cujas ruínas carecem de maior cuidado, é necessário permissão especial do Ibama.



Arco do Triunfo

Aberto diariamente das 8 às 17 horas, o parque pode ser explorado a pé, de bicicleta, moto ou automóvel, com ou sem um guia. Há muito o que explorar, mas quando for visitar o parque não perca:
Pedra dos Canhões-
Na Primeira Cidade. Troncos de árvore petrificados incrivelmente assemelhados a canhões, teoricamente esculpidos pela natureza. Será que, ao contrário, não seriam peças de artilharia prontas a defender a cidade?
Gruta do Pajé- Primeira Cidade. Seu teto tem a curvatura de uma abóbada celeste com figuras em sua extensão. Não à toa. Muitos estudiosos sustentam que ali se ministravam aulas de astrologia, como se os antigos habitantes estivessem num autêntico planetário.
O Arco do Triunfo - Entrada da Segunda Cidade Um enorme arco de pedra com 30 metros de altura. Os locais juram ver à noite bolas de luz coloridas sobrevoando irregularmente a parte mais alta do Arco. Presença de Ets?
O Mirante - De onde se descortina uma vista panorâmica de todo parque.
Pedra do Americano - Segunda Cidade
Várias pinturas representam objetos redondos cheios de antenas, como autênticos OVNIS.
Mapas do Brasil e do Ceará - Formados por uma abertura numa enorme rocha. De um lado, parece o Brasil, do outro, o Ceará.
Cachoeira do Riachão - Uma queda livre de 25 metros. Só pode ser apreciada na temporada de chuvas, de março a maio.
Fonte dos Milagres - Piscina natural assim chamada por jamais secar.

Lendas e Curiosidades



Inscrições rupestres fiam estudiosos

Teorias mirabolantes se misturam com pesquisas sérias. O resultado abaixo, só serve para aumentar o mistério em torno de Sete Cidades.
O pesquisador francês Jacques de Mahieu que esteve no Brasil em 1974 atribui as inscrições e pinturas rupestres aos vikings, pela semelhança com os caracteres rúnicos.
O suíço Ludwig Schwennhagen considera os fenícios um dos primeiros povos a habitar Sete Cidades. Eles teriam atravessado o oceano em busca de novas rotas comerciais, devido à Guerra de Tróia e acabaram fazendo de Sete Cidades um grande palco para cerimônias religiosas.
Tribos Tupinambás e Tabajaras relataram ao famoso jesuíta padre Antônio Vieira que os tupis chegaram ao norte do Brasil provenientes de um país que não existia mais. Schwennhagen considera este fato indicação de que a raça Tupi é remanescente do continente perdido de Atlântida.
A idéia de Atlântida ganha reforço com a observação do ítalo-argentino Gabriele D'Annunzio que viu numa pedra encontrada em Ica, Peru, o desenho do continente americano, onde estão assinalados rotas oceânicas ligando Atlântida ao Delta do Parnaíba.

O escritor Erik von Daniken, autor de
"Eram os Deuses Astronautas?"
acredita que forças não-naturais moldaram Sete Cidades, já que a ação da erosão é visivelmente diferente de cidade para cidade, havendo inclusive linhas retas de tinta vermelha dividindo rochas como num projeto de arquitetura.

Instalações
Há várias opções, para todos os gostos, disposições e bolsos.
Em Teresina, há bons hotéis de 3 a 4 estrêlas, com sauna e piscina.
Em Piracuruca, a poucos quilômetros do Parque, há boas pousadas e confortáveis hotéis-fazenda, com piscina e passeios a cavalo.
No próprio parque, o Abrigo do Parque acena com uma pequena e modesta hospedaria de 12 apartamentos simples.
Também no interior do parque, há áreas autorizadas para camping.

Custos Básicos

Passagem aérea ida-e-volta para Teresina a partir das Regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste

- cerca de R$ 800,00


Passagem aérea ida-e-volta Teresina a partir das Regiões Sul e Sudeste
- cerca de R$ 1.000,00



Ônibus para Piracuru - R$ 20,00

Entrada no Parque - R$ 5,00

Guia para trilha a pé ou carro - cerca de R$ 15,00


Alojamento no Abrigo do Parque - R$ 5,00

Pousadas em Piracuruca
de R$ 15,00 a R$ 30,00 por pessoa

Hotel-fazenda em Piracuruca
de R$ 40,00 a R$ 150,00 por pessoa

Hotéis 3 e 4 estrêlas em Teresina
na base de R$ 50,00 a R$ 120,00 por pessoa

 

Cachoeira do Riachão
Dicas
Teresina é a única capital do nordeste que não fica no litoral. Leve trajes de banho sim, mas conscientize-se de que é para piscina e cachoeira. Praias ficam a centenas de quilômetros. Sete Cidades é misteriosa e extensa. Tire pelo menos 3 dias para conhecer a fundo todas as suas atrações.
Respeite a área de visitação delimitada pelo Ibama. Em locais restritos do parque há animais selvagens de grande porte como onças-pardas e pintadas. Você não vai querer dar de cara com uma delas, vai?
Respeite os outros animais como capivaras, antas, veados-mateiros, papagaios e guaxinins, não jogando lixo nem lhes dando comida. Já bastam os danos dos caçadores clandestinos.
Não leve pedaços de rocha. Cada pouco que um turista leva, torna-se muito no final de alguns anos.