Meditação: O encontro do seu mestre

Preparando para meditar

Deitado ou em posição de Lótus, bem confortável, inspire lentamente, estando a língua grudada no pálato superior (céu da boca).
Expire também demoradamente até expelir todo o ar dos pulmões.
Repita por 3 vezes este procedimento.
Com o cérebro oxigenado e a pineal energizada, estará pronto para fazer as mais variadas técnicas de meditação.
Imagine cada parte de seu corpo relaxando, desde os fios de cabelo até os pés.
Sempre que for começar uma meditação faça esta preliminar.

Imagine uma paisagem bonita, onde estejam presentes as 4 forças primordiais da natureza.
Um dia de sol, com maravilhosos campos floridos onde o vento com suavidade traz o frescor e o perfuma das flores e da terra.
Você caminha neste campo maravilhoso se impregnando da beleza e da tranqüilidade do lugar.
Ao longe você vê um pequeno rio e em suas margens um barco à remo.
Você entra no barco e rema devagar mas firme aproveitando a direção da correnteza. Aprecia a paisagem que vai passando até que vê uma gruta que tenha vontade de entrar.

Reme naquela direção e entre nesta gruta....
A partir daí será uma experiência única onde cada um pode encontrar o seu mestre.
Este local extra físico é só seu e para lá poderá voltar posteriormente quando necessitar se encontrar.
Quando sair da gruta refaça o caminho de volta com tranqüilidade que é para fixar no astral a imagem como um local real.
Sempre lentamente "volte" de sua meditação e procure anotar tudo o que viu neste local mágico que só a você pertence.