Apocalipse ou Mudanças?

Não acredito em Apocalipse que acabe com a vida humana na Terra, mas em situações limites que mudem a estrutura social atual do planeta. Impossível continuarem guerras, sociedades caóticas com conceitos deturpados de religião, vida e morte, onde a fé e a esperança são questionadas com a morte de anjos como Isabella, atirada de sua casa, por mãos demoníacas, provavelmente da própria família, com a intenção covarde de “ despistar” os maus tratos e espancamentos que deviam ser a constante. Sentimentos de ciúme, obssessão, amor e ódio, misturados numa macabra receita de tragédia. Onde está a família? Onde está o amor? Onde está o governo e suas leis ? Onde está a Justiça?
Mortes por dengue também assolam o Brasil, fruto não apenas de um mosquito, mas de um cáos total da sociedade. A falta de consciência responsável de controle de natalidade e planejamento urbano, criam hordas de sem teto que devastam florestas e matas de preservação ambiental, em prol de favelas sem o mínimo de saneamento.
Este é o “ berço explêndido” do Aedes Aegypti.
O que queremos que aconteça pós 20012, que o nosso mapa mundi se tranforme nestas preocupantes professias?
Vamos realmente fazer a nossa parte, evitar devastações dos morros e das matas ciliares, reciclar o lixo, usar energia solar, e sobretudo espalhar amor , esperança e fraternidade.
Acreditando que ainda haja tempo para se evitar estas previsões, transcrevo matéria importante e simulação de um mapa mundi para o ano de 20013. Baby Schmitt

GRANDE CATACLISMA NOS PRÓXIMOS 10 ANOS

O físico Edgar Cayce, junto com vários de seus colegas de pesquisa, concordou que haverá um grande cataclisma nos próximos dez anos. Cayce diz que a América do Norte - toda ela - vai ser coberta pelo mar, começando pela falha de San Andreas até que toda a América seja riscada do mapa.
Isso irá criar um tsunami, do tipo que nunca foi registrado na história ocidental, onde o Japão também cairá como vítima das forças da natureza .
Com a América riscada do mapa, a Corrente do Golfo irá desaparecer, trazendo a parte do Norte da Europa, especialmente as ilhas Britânicas, a uma nova Idade do Gelo

Então - Se você acredita em física, você já tem um motivo para estar assustado o suficiente. Agora veja isso:
Estudos do Zodíaco no templo de Dendera, e o antigo Livro dos Mortos egípcio, mostram que os Egípcios acreditavam na natureza cíclica do fim do mundo, e previram uma data para o ciclo atual - fim de Dezembro de 2012. Os Maias tinham um calendário que era contado ao contrário, e começava na fundação e ia até o fim do mundo. Se você transferir as datas do calendário deles para os nossos, você pode descobrir quando eles achavam que o mundo ia acabar. Adivinhe? Dia 21 de Dezembro de 2012.
Os índios Hopi sempre afirmaram que a vida na Terra era cíclica, e que a nova era começaria após um cataclisma em - adivinhe quando? Sim - 2012 novamente.
Meio que a parte dessa informação, recentemente foi provado que os Egípcios não apenas sabiam que isso acontecia a cada 13.000 anos, eles deixaram mensagens codificadas nas dimensões de suas construções. E é claro que, cada medida em Luxor, Dendera, e a própria Grande Pirâmide contém, em uma escala menor, dimensões de nosso sistema solar, nossa distância ao sol, os ângulos
(1º 30' de erro em relação aos pontos cardiais) Esses números parecem descrever a velocidade e o caminho nas quais as anomalias solares ocorrem, e novamente, usando as datas do Livro dos Mortos, eles acertam nos 13.000, nos deixando com uma data de -oh! 2012!
Atualmente, acredita-se que a causa disso é que a órbita da Terra ao redor do Sol depende do resto do sistema solar. O sistema solar inteiro dá uma volta a cada 26.000 anos, e as forças que envolvem a Terra parecem mudar
levemente com isso. Entretanto, no meio do caminho, a cada 13.000 anos, os polos se invertem do modo descrito acima.
Matéria da Dra. Adriana Schmitt